terça-feira, 3 de novembro de 2009

O Silêncio


"Eu cresço e amadureço pelo silêncio, por este silêncio pleno, interno. No qual eu não mais me permito encobrir algo com o corre-corre de minha vida. Ali se torna claro quem eu sou, de onde venho e para onde vou, quem posso ser e quem eu não quero ser mais. Nesse silêncio cai toda a artificialidade, eu me torno real – eu me torno aquele que sou.

Talvez temamos o silêncio por ser mais difícil escondernos nele e por ele tornar nossa insuficiência visível. Mas justamente aí é a encruzihada para o crescer. Aí sucede, muitas vezes, o romper para uma nova evidência.”

Ulrich Schaffer

25 comentários:

Fatima disse...

Bom dia meu querido e uma ótima semana!
Bjs.

Sonia disse...

Psiuuu...!!!
Silênciooo...!!!
Tô indo na caladaaa...!!!
Psiuuu...!!!
Volto outro dia!
Psiuuu...!!!
Bjsss...milll...

Shin Tau disse...

Poxa Marcelo

essa aí parece que foi direitinha ao meu coração!! E isso mesmo!!!!

Vou ficar em silêncio mais uns dias

Beijocas

António Rosa disse...

Silêncio - é tão difícil para o signo Gémeos. Quando o fazemos... à volta sentem-se as reacções. Abraço, meu querido. Lindo post.

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Bom Dia!
Como vai? O Tempo passa e vamos com ele
Estou indo com ele agora,
Beijos, Simpatia,
Boa Semana,
Renata
PS: Contribuição, não sei se serve


NÃO TENHO AMBIÇÕES NEM DESEJOS

Fernando Pessoa

Não tenho ambições nem desejos.
ser poeta não é uma ambição minha.
É a minha maneira de estar sózinho.


Ou quando uma nuvem passa a mão por cima da luz
E corre um silêncio pela erva fora.
Porque quem ama nunca sabe o que ama
Nem sabe porque ama, nem sabe o que é amar...

Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver do Universo...
Por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer,
Porque eu sou do tamanho do que vejo
E não do tamanho da minha altura...

A mim ensinou-me tudo.
Ensinou-me a olhar para as coisas.
Aponta-me todas as coisas que há nas flores.
Mostra-me como as pedras são engraçadas
Quando a gente as tem na mão
E olha devagar para elas

Cris França disse...

Meu amigo querido, pura sintonia como vc diz, ontem a noite fiquei um tempo tentando esboçar um post sobre o silêncio, e o tu o fez com maestria. bjs

Livinha disse...

Alguém hoje postou algo, que me cativa, o silêncio, quando me vejo a deriva da constância, carente em precisão dela... A inconstância, me aterroriza, me fragiliza e fico a querer correr de mim mesma, então sinto necessidade do silêncio, que me foge das mãos... As vezes preciso pegar o meu carro e sair, sem rumo, sem destino, em busca do meu silencio, pois sei que ele me guarda n'algum lugar e somente através dele posso me encontrar, me deparar com as alternativas que tanto preciso.. Hoje, precisamente hoje, careço dele...
Não o temo, ele me teme. Solidão não é falta de companhia, é falta do si mesmo e hoje me sinto assim, em busca de mim e não sei onde estou... O silencio levou Livinha e com tanto barulho a minha volta, não me vejo, não o vejo o silencio de mim...
Deus está sempre me mostrando uma estrela, neste momento foi o teu recanto, e aqui pensei em deixar minhas palavras soltas, porque o silencio que tanto busco, aqui me deu sinal...
Perdoe...

Fica com Deus Marcelo
Bom Dia...

Helena Rocha disse...

estava precisando ler algo assim logo cedo "adorei". Muito obrgd por me seguir de volta, sempre estarei aki t fazendo 1ma visita e fiko t esperandu por lá ok rsrr...

bjússss

inté+++

Paulo Braccini disse...

perfeito isto amigo ... o silêncio muitas vezes nos incomoda justamente por isto ... ele nos coloca face a face com o EU ...

é escutar a voz do silêncio e viver segundo o que aprendemos com ele ...

aprendi isto na vida e tenho me esforçado muito nesta prática ... a vida torna-se muito melhor e eu sou mais real ...

bjux

;-)

marcelo dalla disse...

Ahhhhhh queridos, fiquei emocionado com seus comentários. Não imaginam como são preciosos pra mim. Hoje tenho mais tempo, vou visitar vcs com imenso prazer.
bjossss

angela disse...

Muito intenso o texto e lindos os comentários.
beijos

Tina disse...

Amigo querido,há 2 semanas estou trabalhando o silencio,pouco falo e acredite, senti que dei um "salto quantico" junto ao meu poder psiquico...
Antes, falava sem pensar,hje, guardo as palavras, se forem realmentes importantes, depois eu falo...
Fiquei horas sem musica, sem pensamento,estado todal de "bobeira"..Limpei todos os miasmas!
Estou pronta!Já Co-criei o que queria...ehehehe
bjos de luz

marcelo dalla disse...

Que bom, Tina! Eu tb to precisando... e muito. Ótimo incentivo! bjosss

Rosan disse...

Marcelo.
o silencio sempre nos ajuda a crescer, pois nele, como diz o texto, não há como nos escondermos.
aprendamos a silenciar de vez em quando.
beijo
Rosan

Kyria disse...

Sábia reflexão principalmente para mim, neste momento de minha vida. Seu blog é "adivinhão", os posts se encaixam perfeitamente com minhas vivências. Saudades das suas visitas, bjs.

Pedro disse...

Muito interessante este blog.
Parabens...

Já agora visita www.diariosemtabaco.blogspot.com
O meu dia a dia sem tabaco.

Alexandre Ferreira Gaspar disse...

Os momentos de silêncio em minha vida tem sido cruciais para melhor entender e decidir sobre a vida....

Fantástico........amei

bjs...tts

Christyna disse...

Olá Marcelo.

As vezes preciso ficar sozinha e em silêncio. Isso é mesmo típico do signo de aquário? Ou sera que sou "esquisita" mesmo! Hehehe

Abraços

Rudny_ disse...

Parabéns pelo blog, tem um belo template e ótimos textos...

Sou acadêmico de Letras-Inglês na UFMT e há 1 ano e "escrevo" há 2. Tenho um blog com alguns textos postados e tenho recebido cascudos de incentivo para divulgar o meu espaço, então, venho humildemente à tua morada deixar um singelo link para o meu blogzinho:

http://turbilhaopsicodelico.blogspot.com

Espero sua visita, e também espero que aprecie. Se não gostar, solte o verbo. Quem escreve dá a cara aos tapas, socos, pontapés, e quem não apanha não evolui.

Obrigado.

Rudny_ disse...

Parabéns pelo blog, tem um belo template e ótimos textos...

Sou acadêmico de Letras-Inglês na UFMT e há 1 ano e "escrevo" há 2. Tenho um blog com alguns textos postados e tenho recebido cascudos de incentivo para divulgar o meu espaço, então, venho humildemente à tua morada deixar um singelo link para o meu blogzinho:

http://turbilhaopsicodelico.blogspot.com

Espero sua visita, e também espero que aprecie. Se não gostar, solte o verbo. Quem escreve dá a cara aos tapas, socos, pontapés, e quem não apanha não evolui.

Obrigado.

Christiane Forcinito Ashlay Silva de Oliveira disse...

Amigo

Sei como se sente... Estou a passar por algo semelhante...

Quadraturas...

Plutão com plutão natal
Plutão com vênus
Saturno com vênus....

Affff.....

Grande beijo...

Chris :)

Wanderley Elian Lima disse...

Adoro o silêncio , quando estou com ele sinto que estou bem acompanhado.
Abração

marcelo dalla disse...

Novos amigos chegando, velhos amigos reaparecendo... muito bom isso.
O carinho de vcs é especial. Tô num final de ciclo, mais instrospectivo. Silêncio...
Vamos cultivar o silêncio...
Grato a todos vcs!

marcelo dalla disse...

Cris! um recadinho pra vc: que bom que reapareceu! tb vivo isso. Minha Lua, coitada, sofre quadratura de Saturno e oposição de Plutão.
Tadinha! rsrsrsrs
Não suma!
bjos

ANORKINDA NEIDE disse...

Amo o silêncio mais que tudo!
rsrsrs

O Silêncio, posso dizer, é onde estou!

Beijão Marcelo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...