quarta-feira, 23 de abril de 2014

VELAS ACESAS PARA UM GRANDE DESPERTAR COLETIVO NO DIA DA CRUZ CARDINAL


É hoje o dia de máxima aproximação da Cruz Cardinal formada por Marte, Júpiter, Urano e Plutão. Pra quem não sabe do que se trata, é um evento raro no céu e os detalhes estão aqui. Propus um evento no Facebook, convidando os amigos para vibrarmos juntos neste dia pela elevação da consciência da humanidade. 

A mágica se fez!!! Criamos uma poderosa energia amorosa com mais de 3 mil participantes. Essa troca, a energia da luz vinda de todos os cantos foi um acontecimento intenso e abençoado! Pessoas de várias linhas, credos e religiões partilhando fotos de suas velas, orações, mantras, afirmações. Essa é a grande força das redes sociais! Confesso que estou em estado de graça absoluto...

Desejo sinceramente o grande despertar coletivo! Que as pessoas tenham mais consciência de que a vida sem amor não traz felicidade, que estamos todos interconectados: o que fazemos ao outros, fazemos a nós mesmos. Que consigamos transmutar o medo em confiança e fé, que consigamos ampliar o olhar para além do umbigo. Que sejamos menos individualistas, mais generosos. Somos todos responsáveis, a vida é o resultados de nossas escolhas. Vamos escolher viver em colaboração, só assim um futuro é possível!

Partilho aqui algumas fotos. Peço perdão aos autores, pois estão sem os devidos créditos. Mas o que vale é a intenção, fica aqui registrado uma amostra da Luz Amorosa deste dia! O evento está aqui, pra quem quiser conferir.

Muito amor a todos, consciência para toda a humanidade!
Namastê!






















domingo, 20 de abril de 2014

SOL EM TOURO E MAIS CONSIDERAÇÕES SOBRE A CRUZ CARDINAL


Olá amigos!
O Sol ingressou em Touro nessa noite de sábado, 19/04, mais precisamente às 23h59 (horário de Brasília). Seja bem vindo, Sol em Touro! Signo que representa a capacidade de coletar, receber e estabilizar energia. Touro é um antigo símbolo da fertilidade e da abundância, figura central em ritos de fertilidade e iniciações e também simboliza a vitória da humanidade sobre a sua natureza animal. Touro nutre a semente que brotou em Áries para que ela cresça e floresça.

Primeiro signo do elemento Terra, Touro rerpesenta o universo das certezas, do que é palpável, do que pode ser medido e pesado. É um signo sensorial, das sensações físicas, está associado à praticidade, ao realismo, à firmeza e à determinação. Em Touro aprendemos a concretizar, a dar continuidade, a utilizar os recursos da Terra para manifestar abundância. Aprendemos também sobre o significado da palavra MERECIMENTO. Por ser associado à fecundidade, Touro representa as realizações produzidas pelo trabalho.

Vênus é sua regente, quem é deste signo aprecia os prazeres da vida, o conforto, o toque, as carícias e os bens duráveis. Outra qualidade é a perseverança, pois seus desejos são ferrenhos, dois quais raramente raramente abrem mão.

O perigo é ficar materialista demais, acumular recursos demais, ficar teimoso, acomodado ou inflexível demais. É preciso trabalhar o fantasma da perda, aprender a fluir com as mudanças, ter a consciência de que a verdadeira abundância é o livre fluxo de energia, dinheiro, amor, amigos... Lá no signo oposto, Escorpião, está seu equilíbrio para desenvolver o desapego e compreender que tudo acaba um dia. Esta é lição do eixo Touro/Escorpião: o que é importante manter, construir, preservar e o que é necessário, soltar, transformar, transmutar?

Portanto, temos pela frente um bom período para colocarmos a mão na massa e darmos continuidade aos projetos iniciados com o Sol em Áries. Cultivarmos praticidade, objetividade, determinação, com passos mais lentos, porém mais firmes e constates. Também permitirmo-nos saborear os prazeres simples da vida, como uma boa comida, um bom perfume, o conforto de casa, o contato com a natureza, tudo com muita GRATIDÃO.

O céu continua com o intenso aspecto da cruz cardinal entre Marte em Libra, Júpiter em Câncer, Urano em Áries e Plutão em Capricórnio por todo o final de abril e início de maio. Os dias de máxima aproximação no grau 13 de cada signo serão 23 e 24/04. Já li vários artigos de vários astrólogos e inclusive canalizações, muito tem sido falado sobre esse momento. E quanto mais leio, estudo e converso com as pessoas, mais percebo que este é realmente um momento especial. Sem dúvida um acontecimento astrológico arquitetado pela Mente Superior para permitir um salto na consciência coletiva.

É um evento extramamente potente. Os quatro planetas da Grande Cruz Cardinal formam uma configuração desafiadora para todos nós. Representam uma aceleração em todo o planeta, a elevação da consciência da Terra para um nível superior e transição. São aspectos que nos puxam para decisões, limpezas e mudanças. Além disso, dois eclipses “abraçam” a Grande Cruz – um lunar (que aconteceu no último dia 15) e outro solar (que acontecerá na próxima Lua nova em 29/04), ambos em vigor. Os eclipses também são acontecimentos que sempre decidem algo.

Marte, Plutão e Saturno estão retrógrados durante o Alinhamento da Grande Cruz Cardinal, pedindo revisões gerais. Os planetas que formam esta Grande Cruz Cardinal em 23 e 24 de abril estão localizados sucinta e exclusivamente em signos Cardinais (Forças Primárias) representando os Quatro Sagrados Reinos Elementais da Terra - Fogo, Terra, Ar e Água.

Fiquei inspirado por artigos de muitos colegas. Leonardo Masinhos, astrólogo português, diz em seu artigo ABRIL, MAIS UMA CHAVE PARA A ASCENÇÃO: "Uma etapa muito intensa e forte num processo no qual podemos escolher ser co-criadores. O que isto significa? Simplesmente o permitirmo-nos sermos as pessoas mais importantes da nossa vida, significa que temos a consciência que tudo o que temos é reflexo e consequência de escolhas, e que são essas mesmas escolhas que fazem com que possamos crescer, desenvolvermo-nos e tornarmo-nos verdadeiros seres de Luz."

Vera Braz Mendes, outra querida astróloga portuguesa, fez uma mágica obervação em seu artigo CRUZ CARDINAL - TRANSCENDER A CRUCIFICAÇÃO: "Quando olhei para o mapa, percebi que o dedo do Universo apontava numa só direcção -  Neptuno em Peixes. A saída da Cruz, da rigidez do quadrado aponta numa única direcção. Neptuno é o dispositor final do mapa."

Incrívelmente sincrônico. Todos os planetas, TODOS, apontam para Netuno em Peixes! Netuno nos empurra para o Amor Universal, para a dissolução do ego, a compaixão, a empatia, tudo o que traz um significado maior para a existência. Mais uma vez citando Vera Braz Mendes: "Neptuno é transcendência. Dissolve o que nos separa do outro, refina o que toca. Não é um planeta mental. É a centelha, a parte de cada um de nós que sabe que todos somos um, que todos viemos do mesmo sítio, que todos retornaremos à “Casa do Pai”. Neptuno é a magia do sonho, da fé ilimitada que nos permite transcender."

Por tudo isso, tive a ideia de propor uma vibração coletiva do dia 23/04 (dia de máxima aproximação da cruz cardinal) para a ascensão da consciência de toda a humanidade. Criei um evento no Facebook - aqui - e estão todos convidados. Em qualquer lugar que esteja, sozinho, ou em grupo, em qualquer horário do dia, os amigos são convidados a acender uma vela, fazer uma oração, uma meditação, reiki, radiônica, ou o que preferir com a intenção de um grande despertar coletivo. Um amigo complementou com outra ideia: acendermos uma vela, fotografá-la e partilhar a foto no Facebook, como uma corrente solidária. Achei sensacional, vou fazer um post aqui no blog com as fotos das velas! Velas simbolizando o despertar da LUZ da consciência. O evento no Facebook já está com mais de 800 pessoas confirmadas e mais de 5 mil convidados.

Na próxima semana a Lua estará na fase minguante, perfeita para finalizações, conclusões, fechamento, limpezas. Vamos então concluir abril com chave de ouro. Dia 23 é também o dia dedicado a OGUM/ SÃO JORGE - o Senhor dos Caminhos. Esta é a ideia, abrir um novo caminho para toda a humanidade. Um caminho com menos individualismo, mais consciência de que estamos todos interconectados, que somos todos responsáveis, que a vida é o resultado de nossas próprias escolhas, que colhemos o que plantamos. A partir daí podemos co-criar um futuro melhor.

Sejamos felizes!!!
As dicas diárias  para cada signo estão na UOL - http://mulher.uol.com.br/horoscopo/previsao-diaria/
Recomendo também o artigo do colega António Rosa - O SOL ENTRA NO SIGNO DE TOURO

segunda-feira, 14 de abril de 2014

DICAS ASTRAIS PARA A LUA CHEIA E O ECLIPSE LUNAR DE 15/04/14


Olá, amigos!
Vem aí um eclipse lunar total que poderá ser visto em todo Brasil. Acontecerá na madrugada desta terça-feira (15/04) às 4h43 (horário de Brasília) aos 25 graus do eixo Áries/Libra. Mais detalhes sobre o fenômeno aqui.

Um eclipse Lunar ocorre na Lua Cheia, quando o Sol, a Lua e a Terra estão alinhados. A Lua fica imersa na sombra umbral da Terra, que se interpõe entre o Sol e a Lua.  Os eclipses nos levam a decidir algo, sempre são oportunidades de limpeza. No caso de um eclipse lunar, o passado (Lua), fica eclipsado pelo futuro (Sol).

É bom que não estejamos com a agenda cheia de compromissos. Devemos sempre ter alguma folga para podermos lidar com assuntos que podem emergir. O impulso para a busca de novas soluções e possibilidades com mais consciência, deve nos guiar. Temas e situações latentes podem vir à tona para nos libertar do peso de experiências anteriores. Os condicionamentos lunares ficam mais baixos, temos boa oportunidade para quebrar/abandonar padrões de comportamento, hábitos, apegos, medos e criar algo novo.

Portanto, fiquemos atentos aos assuntos, às ideias ou temas que dominarão nossos pensamentos nos próximos dias. Pode ser um período de extrema clareza, entendimento e expansão da consciência (Sol), quando percebemos uma verdade intrínseca sobre nossas vidas. Ideias, oportunidades e pessoas podem surgir inesperadamente para despertar possibilidades e interesses que estavam adormecidos.

A prioridade vai para atividades mais práticas, racionais e concretas, que nos coloquem em contato com a realidade. Atividades que estimulam as emoções e nossa vida psíquica devem ser evitadas, pois nosso mundo interior já fica naturalmente bastante afetado.

Como o eclipse acontece no eixo dos relacionamentos, pode trazer novas luzes sobre relações e parcerias, sobre a necessidade de levar uma vida compartilhada mais leve. Bom período para quebrar velhos padrões de relacionamento, deixar no passado memórias negativas sobre velhas relações. Isso será melhor percebido por quem nasceu no último decanato de Áries, Libra, Câncer e Caprícórnio, ou por quem tem planetas próximos aos graus em que acontece o eclipse.



Mercúrio e Urano estão em conjunção e reforçam o tema da quebra de velhos padrões. Colocam em pauta a liberdade de pensamento, questionamentos de filosofias caducas, velhos dogmas e paradigmas, ideias retrógradas, valores sociais e morais. Mercúrio e Urano juntos estimulam o pensamento, a mente fica afiada e mais veloz para permitir novos entendimentos e compreensões. Percebemos que não há verdades absolutas!

O céu do período está intenso, com a cruz cardinal entre Marte, Júpiter, Urano e Plutão já a se desenhar. Um céu que nos estimula a sair da zona de conforto para resolver assuntos pendentes. Lá em Minas costumam dizer "sapo pula quando precisa"... essa é a ideia.

O mundo muda a olhos vistos. Há necessidade de transformação da economia mundial, de instituições rígidas e retrógradas, da forma como produzimos energia. Assistimos a exaustão perante a arbitrariedade do poder, as manipulações, a individualidade exacerbada, a negligência, o egoísmo, as ditaduras, as meias verdades, a corrupção... Podemos assistir discussões acaloradas, revoltas, guerras religiosas, disputas de poder e protestos no período. Em pauta também as questões diplomáticas entre países, mudanças de posição, quebra de acordos. 

Como Marte retrógrado está envolvido, recomendo evitar esportes arriscados, excesso de velocidade e atividades que ofereçam risco. Vale buscar terapias que promovem limpeza e equilíbrio energético, como reiki, meditações, passes, massagens. O desejo é de mudar, crescer, transformar, reformar. O período é de instabilidade, inerente a toda mudança. Portanto, quanto mais flexíveis e receptivos estivermos, melhor. É importante cultivarmos serenidade e bom senso para evitar prejuízos.

Vênus segue no sensível Peixes e se harmoniza com Júpiter para ativar a força do feminino nessa história toda. Ambos estão em signos de água e mostram que o caminho é a compaixão, a fé, o companheirismo, os sentimentos refinados. A arte e a espiritualidade nos salvam. Com essa combinação podemos formar poderosas e produtivas uniões, podemos renovar inclusive o pacto que temos conosco, com nossos mais altos ideais.

Já escrevi antes sobre a cruz cardinal em dois artigos, recomendo a leitura aqui e aqui. As dicas diárias pra cada signo estão na UOL.

Sejamos felizes!

segunda-feira, 7 de abril de 2014

DICAS ASTRAIS PARA A SEMANA DE 07/04/14 - VÊNUS EM PEIXES E MERCÚRIO EM ÁRIES


Olá, amigos!
A Lua começa a crescer em Câncer e com ela cresce o ritmo dos acontecimentos. Ela se desentedeu com Sol e Marte pela manhã e agora segue fora de curso em Câncer pra nos ajudar a baixar a bola da intolerância, da impaciência e da agressividade. Lua em Câncer nos ajuda a cultivar sensibilidade, nos fala que o equilíbrio emocional é a base pra tudo o que pretendermos realizar.

Amanhã bem cedinho, terça-feira, nosso satélite ingressa no festivo Leão e sorri pra Mercúrio. Dia ótimo pra atividades ligadas à comunicação e intercâmbio em geral. Na quarta-feira a Lua sorri pra Urano, Marte e Sol, o dia também promete ser ágil, bom para decisões e iniciativas.

Por falar em iniciativas, o Sol segue em Áries e confronta Marte, que está retrógrado em Libra. O eixo dos relacionamentos está ativado. Cazuza, famoso ariano, dizia que os arianos não batem na porta, arrombam. Áries é assim mesmo, impulsivo. Mas nesses dias quem arrombar a porta de alguém pode ter problemas mais sérios, as consequências podem ser mais drásticas.

Durante essa semana é importante vigiar a hostilidade e as atitudes explosivas, com parceiros, sócios, clientes e colaboradores. O descontrole da agressividade pode ser causado por inseguranças, medo da derrota... mas esse aspecto pega mais pra quem já tem essa tendência de reagir com violência, pra quem acha que o mundo está contra si.

Marte retrógrado em Libra pede que as decisões sejam bem refletidas e que o interesse de todos os envolvidos seja avaliado. O Sol segue em Áries e quer autonomia, movimento, ação. Por isso o desafio de harmonizarmos essas polaridades.  Colocar limites de forma saudável, com educação e diplomacia, porém também com franqueza. Não permitir abusos, cobranças indevidas, vampirismos e tudo o que nos tolha a liberdade, nosso direito mais sagrado. Mas também sem interferir na liberdade do outro, manter o respeito, não reagir com agressividade, nem alimentar conflitos... grandes lições!

MERCÚRIO EM ÁRIES
Mercúrio também ingressa em Áries hoje, a fala ganha agilidade, todos querem manifestar suas próprias opiniões, seus próprios pensamentos. Todos querem expressar sua individualidade. Fica mais fácil falar diretamente, sem rodeios, ir direto ao ponto pra resolver qualquer questão. Mas ao mesmo tempo, vale avaliar se é justificável entrar em discussões e debates.

Muitas vezes quem é franco e diz o que vem à cabeça comete "sincericídios", perde boas oportunidades de ficar calado. Mais uma vez, é preciso redobrar o cuidado com a hostilidade e evitar tomar a frente de conflitos inúteis. Ouvir e aceitar o ponto de vista alheio, aprender a ceder se torna mais desafiador, esse é o grande antídoto pra este posicionamento. Querer provar que está certo é coisa do ego, as conversas não precisam se transformar em disputas de campeonato se soubermos a hora certa de uma retirada estratégica.

De qualquer forma, ganhamos mais coragem para enfrentar desafios intelectuais. Temos um bom período para estudos e aprendizados autodidatas, para cultivarmos autonomia nos estudos. Também funcionamos melhor sob pressão e prazos.

VÊNUS EM PEIXES
A bela Vênus ingressou em Peixes no último dia 5/04, signo onde se exalta e fica mais romântica. Este é um belo posicionamento! Vênus recebe de braços abertos as qualidades e toda a imensidão de Peixes: sensibilidade, inspiração, magia, encantamento, compaixão. Temos agora um excelente período para viver fantasias no amor, provocar situações românticas, criar climas e atmosferas especiais, como um lindo jantar à luz de velas, por exemplo.

A intimidade com o outro, as experiências que envolvem prazer e sensibilidade, ganham ares sagrados.
Nada do que se refere ao amor fica pequeno. Tudo emerge das profundezas, o bom e o ruim também. Anjos e demônios, sonhos e pesadelos, felicidades paradisíacas e sofrimentos do tipo "meu mundo caiu". Claro, quem escolhe somos nós. O amor deve ser compreendido como uma libertação psíquica e espiritual, como uma troca consciente e equilibrada a ser construída com quem partilha os mesmos anseios filosóficos e espirituais. Quem vê outro como uma tábua de salvação pra sua vida pode se dar mal ao embarcar em ilusões.

Com Vênus em Peixes é bom ter cuidado pra não idealizar o outro, ou o amor em si. Criar fantasias tão grandes que ninguém se torna capaz desatisfazê-las. Em contrapartida, a imaginação se torna mais fértil. Temos um grande momento para os artistas e as artes em geral. Reciclamos as energias em momentos de introspecção, que se tornam criativos e produtivos.

Nas finanças, a intuição se torna um poderoso recurso. Mas é bom cuidar pra que os gastos não se tornem caóticos, pra que não haja o descontrole de quem vive nas nuvens. Os dons que envolvem o amor às artes, a sensibilidade e a capoacidade de ler a alma das pessoas podem ser mais valorizados, bem explorados e bem remunerados.

Que Vênus em Peixes nos ajude a passar pelos aspectos intensos e turbulentos de abril. Recomendo a leitura do último artigo sobre a cruz cardinal de Marte, Júpiter, Urano e Plutão aqui.

Aproveito também e faço um convite pros amigos de São Paulo: Nesta quinta-feira faremos o primeiro de  uma série de encontros com meditações xamânicas ao som do tambor para vivenciar as forças planetárias e interpretá-las nos mapas astrológicos dos participantes. O primeiro será com Quíron, quem quiser pode participar de todos ou do que escolher. Serão no Anima Mundhy. Veja com mais detalhes aqui.

As dicas pra cada signo estão na UOL.
Sejamos felizes!



quarta-feira, 2 de abril de 2014

OSHO FALA SOBRE A DISCIPLINA


Olá amigos!
Confesso que sempre tive dificuldades em relação ao que chamam de disciplina. É quase impossível manter um esquema de perseverança, ritmo e constância a respeito de algo que não nos estimula, que não nos inspira ou entusiasma. Pra mim, a disciplina é conseqência da motivação que vem do coração. No texto que compartilho a seguir, Osho nos trás um conceito novo, mais lúcido e abrangente sobre a disciplina. Muito esclarecedor! Vamos a ele:

"Disciplina é uma bela palavra, mas, assim como, no passado, o foram todas as belas palavras, ela tem sido mal empregada. A palavra disciplina tem a mesma raiz da palavra discípulo - o significado da raiz é “processo de aprendizagem”. Aquele que se mostra disposto a aprender é um discípulo, e a atitude de estar disposto a aprender é disciplina.

A pessoa douta nunca está disposta a aprender, pois acha que já sabe muito; ela se mantém muito centrada no que chama de conhecimento. Seu conhecimento não é nada senão alimento para o ego. Ela não é capaz de ser um discípulo, de se manter sob verdadeira disciplina.

Sócrates disse: “Só sei que nada sei” — esse é o princípio da disciplina. Quando você não sabe nada, claro, claro que lhe sobrevém o desejo intenso de inquirir, explorar, investigar. E, assim que começa a aprender, surge inevitavelmente outro fator: qualquer coisa que você tenha aprendido tem que ser abandonada sempre; em caso contrário, ela se tornará conhecimento, e conhecimento impede a aprendizagem de outras coisas.

O homem realmente disciplinado jamais se prende a nada; a cada momento, ele morre para qualquer coisa que tenha vindo a saber e volta a ser ignorante. Essa ignorância é verdadeiramente luminosa.

Concordo com Dionísio quando ele afirma que a ignorância é luminosa. Uma das experiências mais belas da existência é estar num estado de luminosa ignorância. Quando está nesse estado de luminosa ignorância, você está aberto, não há barreira em seu ser, você está disposto a investigar.

A disciplina tem sido mal-interpretada. As pessoas têm dito às outras que disciplinem sua vida, que façam isso, que não façam aquilo. Têm sido imposto ao homem milhares de deves e não-deves. E, quando o homem vive com inúmeros deves e não-deves, ele não consegue ser criativo. Ele se torna prisioneiro; em toda parte, ele deparará uma barreira.

A pessoa criativa tem que eliminar todos os deves e não-deves. Ela precisa de liberdade e de espaço, muito espaço; ela precisa do céu inteiro e de todas as estrelas que existem nele. Só assim sua espontaneidade pode começar a florescer.

Portanto, lembre-se: minha ideia de disciplina não envolve nenhum dos dez mandamentos; não estou impondo-lhes nenhum tipo de disciplina; estou simplesmente tentando fazê-lo discernir a ideia de como continuar a aprender e jamais arvorar-se em douto.

Sua disciplina tem que vir de seu próprio coração; ela tem que ser inteiramente sua - e há uma grande diferença nisso. Quando alguém lhe impõe algum tipo de disciplina, talvez ela jamais lhe sirva; será como vestir as roupas de outrem. Ou elas ficarão grandes demais ou muito apertadas, e você sempre se sentirá um tanto idiota nelas.

Maomé legou um corpo de disciplina aos muçulmanos; talvez isso tenha sido bom para ele, mas não pode ser bom para todos. Buda legou um corpo de disciplina a milhões de budistas; talvez isso tenha sido bom para ele, mas não pode ser bom para todos.

A disciplina é um fenômeno que se dá no âmbito da individualidade; toda vez que a adota de outrem, você começa a viver de acordo com princípios pré-estabelecidos, preceitos mortos. E a vida jamais é morte; a vida é transformação incessante. A vida é movimento.

Heráclito está certo: você não pode entrar no mesmo rio duas vezes. Aliás, gostaria de dizer-lhe que você não pode entrar no mesmo rio uma única vez sequer, pois ele se move muito rapidamente! A pessoa tem que estar atenta a cada situação e suas nuanças, observando-a, e é necessário que a pessoa reaja à situação de acordo com o momento, e não conforme a algum tipo de respostas prontas, fornecidas por outrem.

Você percebe a estupidez da humanidade? Há cinco mil anos, Manu transmitiu um corpo de disciplina aos hindus, e, até hoje, eles o seguem. Três mil anos atrás, Moisés deixou um corpo de disciplina aos judeus, e ainda hoje eles o seguem. Há cinco mil anos, Rsabhanatha transmitiu seu corpo de disciplina aos jainistas, e eles ainda o seguem.

O mundo está sendo levado à loucura com essas doutrinas! Elas são ultrapassadas; elas deveriam ter sido enterradas há muito, muito tempo. Vocês estão carregando defuntos nas costas, e esses defuntos fedem. E, quando você vive cercado por defuntos, que tipo de vida você pode levar?

Eu lhes ensino o momento, e a liberdade do momento, e a responsabilidade do momento. Algo pode ser correto neste momento e pode tornar-se errado no momento seguinte.

Não tente ser imutável, pois, nesse caso, você estará morto. Só os mortos são imutáveis. Procure estar vivo, com todas as suas inconstâncias, e viva cada momento sem nenhuma ligação com o passado nem com o futuro. Viva o momento, e suas reações serão plenas.

Essa plenitude é sublime, essa plenitude é criatividade. Com isso, tudo que você fizer terá beleza própria."

Osho, em "Criatividade : Libertando Sua Força Interior"
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...