domingo, 10 de maio de 2009

Reflexões para Mercúrio Retrógrado


Mercúrio, o planeta da comunicação, está em movimento retrógrado. Proponho algumas reflexões sobre a arte de se comunicar, que engloba:
- Clareza e integridade ao passar e receber informações.
- Abertura e atenção para ouvir.
- ( E o mais difícil) sabedoria para se calar no momento certo.
O texto a seguir é de Luiz Marins e cabe como uma luva para este período.

SAIR DE CENA

Uma das coisas que aprendi com pessoas de grande sabedoria é saber sair de cena, deixar o palco, sair da roda, mudar de assunto. Saber o momento exato de fazer com que os holofotes fiquem sobre os outros e não sobre você.

No mundo competitivo em que vivemos a sua presença "marcante" pode marcar demais. Sua idéia "brilhante" pode brilhar demais. A forma "inovadora" de pensar pode inovar demais. E nem sempre as pessoas estão dispostas a deixar você brilhar impunemente.

É hora de sair de cena. Nem que seja por um tempo. É preciso fazer os outros pensarem que você desistiu. É preciso dar a chance das pessoas acharem que você não quer mais estar no palco. Mas saber sair de cena é uma arte tão importante quanto saber entrar em cena. Todo ator sabe disso. Assim, é preciso sair de cena com classe. É preciso sair de cena com a discrição de um lorde inglês.

Quando as pessoas sentem-se ameaçadas por você e começam a ter respostas agressivas desproporcionais, talvez seja a hora de sair de cena. Quando você, sem ter desejado ou planejado, começa a aparecer muito na sua área de atuação ou no seu setor de trabalho, talvez seja a hora de sair de cena por um tempo. Saber sair de cena é também saber mudar de assunto.

Quando as pessoas vêm lhe perguntar e comentar sobre o seu sucesso, sobre seus bens materiais, seu possível enriquecimento, etc. querendo fazer você falar sobre você - é hora de mudar de assunto. Os sábios sabem que você nada ganhará falando de você mesmo para os outros. Nem bem, nem mau. Mude de assunto. Saia de cena. Não caia nessa armadilha.

Quando o embate se dará com poderosos e você conhece o poder destrutivo desses poderosos, pense bem antes de entrar no combate. Talvez você ganhe mais saindo de cena. Deixe a briga de cachorro grande para grandes cães.

Saiba sair de cena. Você terá outras oportunidades. Você ganhará outras batalhas com menos estresse, com menores esforços. É preciso fazer um grande esforço de sabedoria para saber quando sair de cena. É preciso ter uma grande capacidade artística para saber como sair de cena. Será que temos tido a sabedoria e a arte de sair de cena, deixar o palco, mudar de assunto, na hora certa, no momento exato?

Lembre-se: A hora de falar vem sempre depois da hora de ouvir! “O silêncio é de ouro.”

10 comentários:

Ana Cristina disse...

Muito interessante o texto, muito estratega numa altura em que se guerreia por protagonismo a qualquer preço :-). Que este mês seja de reflexão, depois do grande sr. das estratégias ter voltado à sua rota directa.
Abraço

Shin Tau disse...

Curiso Marcelo,

ainda não me tinha apercebido que Mercúrio estava retrógado, mas já senti uma necessidade enorme de ficar calada. Hoje ainda nem pensei em nada para partilhar no Grimoire.

Estarei atenta e seguirei os teus conselhos. A Lua de Touro foi muito bizarra para mim!!!

:***

Cris disse...

a arte de saber calar é uma das mais importantes creio eu.
palavras de sabedoria como sempre...boa semana meu amigo!

Marise Catrine disse...

Olá Marcelo,

Adorei este texto.
Faz todo o sentido e só é pena que nem todos tenham sobre si o conhecimento que os permita entender o valor do silêncio; a Luz que lhes permita deixar os outros brilhar... e ficr feliz copm isso.

Obrigada por este Momento.

**

António Rosa disse...

Texto muito bom e conselhos sábios. Belo post.

marcelo dalla disse...

Este pra mim é um grande treinamento tb. Tenho Mercúrio conjunto com Marte - mental acelerado e fala impulsiva. Uma vez ouvi essa frase: ensinamos melhor o que mais precisamos aprender. rs. Mas vamos em frente!!!

Caillean disse...

Marcelo

Muito interessante este texto. Voce me chamou a atençao para o fato que desde que entrou maio estou meio que fora de cena. Ou melhor, saindo de cena. Calar-se no momento certo ou sair à francesa é uma arte, deixar que os outros brilhem por voce nao estar brilhando é uma liçao de humildade e sabedoria.

Sábio texto que chegou em boa hora.
Obrigada pela partilha.

Beijinhos encantados

)0(

Christiane Forcinito Ashlay Silva de Oliveira disse...

Marcelo

Excelente! Seguirei...OU melhor já estou assim por um tempo em alguns lugares...

Obrigada pela dica!

Chris.

Breno Carvalho disse...

será que num é hora de eu sair de cena?

Tania Resende disse...

OI, Marcelo: Mencionei seu blog no twitter: http://twitter.com/taniaresende

Tania Resende

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...