quarta-feira, 1 de junho de 2016

UM BREVE RELATO SOBRE A MINHA EXPERIÊNCIA NA FLORESTA AMAZÔNICA


Olá, amigos!
Retorno do retiro de Astrologia & Xamanismo que fizemos em Alter do Chão no Pará, a convite do movimento NATURAL VIBE. Foram dias especiais e inesquecíveis, com passeios incríveis, muitos aprendizados, convivência amorosa com pessoas antenadas e conectadas. Uma experiência de desapego e contato direto com a força da natureza em plena floresta amazônica. 5 dias sem calçar sapatos, sem entrar na internet, sem chuveiro quente, dormindo na rede numa pousada sem paredes e sem fronteiras - a MALOCA VIVA


Não havia pernilongos e nem borrachudos. A temperatura média do local é de 32 graus, um calor úmido, que era aliviado com banhos de água pura e na temperatura natural. Aliás, água é o que não falta! Alter do Chão é um dos distritos do município de Santarém. A região abriga mananciais gigantescos de água doce, é conhecida popularmente como Caribe Brasileiro. Localizado na margem direita do Rio Tapajós, com belíssimas praias de água doce. Um paraíso!


Fizemos passeios diários pelo lago Verde, vizinho do rio Tapajós. Passeios de canoa pela Floresta Encantada, com seus igarapés mágicos. Conhecemos agricultores locais, que nos contaram sobre as propriedades curativas de muitas plantas da floresta amazônica, como o Guaraná (legítimo e típico da região), a Copaíba, a Andiroba e outras. Recomendo a visita no site da EKILIBRE, empresa local de cosméticos naturais e artesanais, que não prejudicam o corpo e nem o meio ambiente.


Pudemos testemunhar a beleza e a fragilidade da floresta amazônica. O solo da região norte do Brasil é arenoso, impróprio para a vida vegetal. Quem alimenta a floresta é a própria floresta, que com suas folhas e galhos em decomposição forma uma fina camada de adubo. As chuvas constantes na região colaboram pra que haja a riquíssima variedade de vida vegetal e animal da Amazônia. Mas esse equilíbrio é delicado. A floresta deve ser respeitada, honrada, reverenciada e protegida. Caso contrário, a região pode se tornar um imenso deserto.


A ganância por dinheiro e poder ameaça esse patrimônio da humanidade e a própria vida no planeta. A agropecuária, as mineradoras e os projetos de barragens hidrelétricas colocam em risco esse paraíso na Terra. As vastas e indiscriminadas plantações de soja devastam a floresta, soja usada para alimentar o gado. Vários projetos de mega hidrelétricas, cujo objetivo é superfaturar para lucrar, podem poluir e destruir a vida no Rio Tapajós. Soube que esse projetos foram barrados pelo IBAMA, mas estão em andamento na justiça.


Como consumidores, devemos nos conscientizar e boicotar produtos que poluem e destroem a natureza. Temos que valorizar as empresas que respeitam o meio ambiente. E temos nós, mesmos, que buscar restabelecer essa conexão com a natureza, simplificando nossas vidas, deixando de lado o consumismo indiscriminado. É importante também cultivar a reeducação alimentar, diminuindo ou parando de vez de consumir carne, dando a preferência para alimentos saudáveis e orgânicos. Ao buscar esse aprendizado, essa conscientização, contribuímos para o grande despertar coletivo.


Volto profundamente tocado pela importância de tudo isso. Apaixonado por essa grande riqueza, patrimônio de toda a humanidade. Vamos acreditar que, enquanto muitos ainda se comportam como zumbis, um grande movimento de despertar coletivo acontece, pra mais amor, mais conexão com a natureza e um estilo de vida mais saudável em todos os sentidos. Essa é a importância de movimentos como NATURAL VIBE, encabeçado pela querida amiga Luana Ferreira. 


Sinto que movimentos como esse crescem a cada dia, principalmente entre os jovens. Vejo a moçada interessada em aprender, aberta, consciente e fico feliz. Isso me dá esperança. É isso que gostaria de compartilhar com vocês nessa postagem, a força dessa nova onda de consciência, em sintonia com os ideais da ERA DE AQUÁRIO.


Compartilho as fotos da viagem e aproveito para agradecer à Luana pelo convite, ao Universo pela oportunidade de realizar esse trabalho, pela chance de conhecer esse lugar único e a você que de alguma forma se sente tocado pela força mágica da natureza. Nosso planeta possui incontáveis riquezas como essa e não podemos deixar que a loucura do ser humano coloquem em risco nossas vidas. Esse é um chamado: vamos nos tornar guardiões do planeta, cada um com seu trabalho e seus talentos únicos pode colaborar com esse grande movimento de conscientização.


Logo mais escreverei sobre o céu astrológico no início do mês de junho. Que a força das águas e da floresta inspirem a todos!
Sejamos felizes!




2 comentários:

elaine cristina guglielmi disse...

Viajei com voce,na alma,no coracao,na consciencia.
Grata,pelo eterno compartilhar.
Vamos colapsar a onda,para que eu possa ir na proxima.
Luz e paz.

Maria Gloria D'Amico disse...

Marcelo, olá!
Encantada com as fotos, poderosas. Dá para sentir a energia do local.
Agradeço pela partilha de fotos e conhecimento.
Um beijinho e excelente semana.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...