sexta-feira, 3 de julho de 2009

O FEITIÇO MARAVILHA - parte II

Decidiu falar com o Mago da Montanha. Eram dias e dias de vôo, mas a fadinha Violeta estava decidida, disposta a ir até o fim do mundo. Ao avistar a montanha, exausta, ouviu ao longe um grunhido assustador. Parecia o som de uma onça pintada! Ao chegar mais perto percebeu que o mago tirava uma soneca à sombra de um rochedo, aquele era o som de seus roncos. Ufa… Seria indelicado acordá-lo, mas sua curiosidade era tamanha que ela não podia esperar.
- Seu mago! Seu mago! Acorde!
- Hã? Quem me chama?
- Seu eu, seu mago, a fadinha Violeta! Por favor, preciso de uma informação…
- Fadinha Violeta? Espero que tenha me acordado por um bom motivo!
- Sabe o que é, seu mago, estou procurando uma fórmula mágica chamada “Feitiço Maravilha”. O senhor já ouviu falar?
- O que? Não acredito que fui acordado por uma fadinha fajuta pra responder uma pergunta descabida como essa. Isso é assunto pra Bruxa das Cavernas! Me deixe dormir!

Levou um peteleco do mago e foi rodando de volta pelo caminho todo, quase que vai parar na China. Quanta indelicadeza desse mago! Mas ela não desistiria nunca. Reuniu toda sua força e coragem para dessa vez procurar a Bruxa das Cavernas, que com certeza, devia conhecer a fórmula. Mas pensando bem, se o mago foi tão rude com ela, do que a bruxa seria capaz? Estava faltando as aulas na escola… Não seria melhor desistir e voltar? Não. Algo bem no fundo a fazia acreditar que iria decifrar esse mistério.

Engoliu seco e se preparou para entrar na caverna da bruxa. Mal havia atravessado o portal, ouviu uma voz estridente:
- Sinto cheiro de fada. Quem me visita sem ser convidada?
- So-sou eu, dona bruxa, a fa-fadinha Violeta.
- Credo, que asinha mais desbotada. Já que teve a audácia de me procurar, diga logo o que é que você quer, fadinha sem graça!
- É justamente por isso, dona bru-bruxa. Eu procuro a fórmula da beleza chamada “Feitiço Maravilha”. A se-senhora deve conhecer.
- “Feitiço Maravilha”? Isso não existe menina! Conheço um feitiço parecido, chamado “Feitiço do Avesso”. Serve?
- E o que ele faz?
- Ele te deixa linda por um tempo, mas depois você fica tão feia que parece que virou do avesso. Daí não tem concerto, só morrendo e nascendo de novo! Ha ha ha ha ha ha ha!

A bruxa nem terminou sua gargalhada e a fadinha já estava longe dali. Asas pra que te quero! Imagina, ficar feia assim… já bastava ser tão sem graça. E agora? O que fazer? Sua última esperança era tentar uma audiência com a Fada Rainha. Sempre tão ocupada com assuntos importantes, será que a receberia? Tentou marcar horário com a Fada Secretária, mas espaço na agenda, só pra depois de três meses. O jeito era ficar escondida atrás da porta e esperar uma brecha. - Quanta ousadia, não? - Ela pensava, estava até surpresa consigo mesma. - Tinha que conseguir, tinha que conseguir…

(continua...)
Leia parte III aqui.
Leia parte I aqui

7 comentários:

Christiane disse...

Marcelo

Que lindo!!!!!!!!!!!!!!!!

HOje te convido a conhecer meu outro blog e uma outra parte de mim...

http://clubedasmulheresvividaseinteligentes.blogspot.com/

Beijão!!!!

Chris

:)

Zeca Maurício disse...

Tô amando a história da Fadinha. Tô torcendo por ela.

DD disse...

Ah, que fofinha!!!
Em frente Fadinha!

marcelo dalla disse...

hehehehehe to gostando da torcida!

Astrid Annabelle disse...

Também estou torcendo...agora vou para a terceira parte.
Beijo
Astrid Annabelle

Fada Moranga disse...

Ela vai conseguir!!!!

Já falta pouco! :-)

Livinha disse...

2º ítem:
Insistir, persistir, mas jamais
desistir...
Continuando Marcelo...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...