sábado, 4 de julho de 2009

O FEITIÇO MARAVILHA - parte III

Depois de três horas, a reunião com o Conselho de Magia terminou. Essa era sua chance. Invadiu o salão da Rainha fazendo todas as reverências que aprendera na escola:
- Fada Rainha, por favor, me perdoe a ousadia de ir entrando assim, mas só Vossa Excelentíssima pode me ajudar!
- Fadinha Violeta! Fique tranquila, em que posso lhe ajudar?
- Ué, Vossa Excelentíssima sabe como eu me chamo? – A fadinha se espantou com o fato de uma figura tão importante saber sobre outra tão sem graça como ela.
- Claro, eu conheço todas as fadas do meu reino! Para mim, todas são especiais! Você tem algo para me perguntar?
- Tenho sim. Faz muito tempo já que procuro o segredo de uma fórmula chamada “Feitiço Maravilha”. Por favor, diga que conhece!
- Conheço sim. É também chamada de “Poder do Coração”.
- Poder do coração? Ninguém nunca me disse isso. Vossa Excelentíssima pode me ensinar?
- Na verdade é muito simples, o próprio nome já diz. Você não precisa de ingredientes especiais. Este poder já existe dentro de você.
- Mas como eu faço pra usá-lo?
- Eu poderia ficar horas te explicando, fadinha, mas não de nada adiantaria. Sinto muito, você terá que descobrir por você mesma. Acredite, você conseguirá!

Até que a Fada Rainha foi simpática, ela se sentia honrada por ser tão bem tratada pela figura mais ilustre da floresta, mas isso não resolveu sua frustração. Ainda não tinha descoberto o segredo! O pior é que estava tão envolvida com sua investigação que tinha deixado a escola de lado. Lembrou que no dia seguinte era o dia da prova mais importante do ano, o Concurso de Magia Criativa. Todas as alunas tinham que apresentar um encanto criativo para a professora e ela não tinha preparado nada! Correu para a biblioteca e copiou o primeiro encanto que viu: “Como Tranformar Cogumelos em Cactus”. Não era nada genial, mas devia servir.

Estava tão cansada que nem conseguiu treinar o encanto em casa. Ao chegar sua vez, foi logo improvisando. Errou duas palavras, trocou a ordem dos gestos e o cogumelo explodiu, melecando sua cara e suas roupas. A turma toda veio abaixo com as risadas de deboche. Aquilo foi a gota d´água! Voou correndo pra casa sem esperar a nota da professora. Vermelha de vergonha e de raiva, trancou-se no banheiro e chorou, chorou, chorou com tanta força que suas lágrimas espirraram no espelho.

Depois de ficar ali, sentada no chão por algum tempo, por trás de sua vista embaçada percebeu que as lágrimas escorriam no vidro e formavam uma frase. Enxugou os olhos e conseguiu ler: “Você é linda”. Pouco a pouco, pequenas luzes se acenderam e piscaram a sua volta. Ficaram cada vez maiores e iluminaram todo o quarto. Como num passe de mágica, tudo fez sentido. Naquele momento olhou-se no espelho de um jeito diferente. Passou a gostar das sardas em seu rosto, sorriu e percebeu que seu dentinho torto era sua marca registrada, que lhe dava personalidade. O poder estava dentro dela, em seu coração, esse é o feitiço maravilha!

- Eu sou linda! – Disse em alto e bom som. E a cor violeta de suas asas estava mais viva do que nunca. – Eu sou linda! – Repetiu, e o brilho de sua varinha de condão, que quase nunca usava, ofuscou seus olhos. Não cansava de repetir a si mesma: - Eu sou linda, o poder está em meu coração, basta acreditar! Eu sou linda!

No dia seguinte, ofuscava olhares pelo caminho, ninguém podia distinguir se era ela ou sua varinha que brilhava mais. Ao chegar à escola, suas coleguinhas ficaram boquiabertas com a transformação. Cercaram-na por todos os lados:
- O que aconteceu? Você está tão bonita! Que mágica poderosa é essa?
- Encontrou o segredo do “Feitiço Maravilha”?
- Sim, encontrei!
- Então conta pra gente!
- Conta vai!
- Olha, eu até poderia contar. É também conhecido como “Poder do Coração”. Mas sinto muito, vocês têm que descobrir por vocês mesmas!
Ao dizer isso, uma chuva de luz dourada caiu por toda a sala de aula. Aquele foi o dia mais divertido da Escola de Magia.

Leia parte 1 aqui
Leia parte 2 aqui

19 comentários:

Eliene Vila Nova disse...

oi amigo
que linda ilustração e que história bem escrita, você é maravilhoso.
vim agradecer a sua mensagem no meu aniversário, muito obrigada!
uma semana iluminada
beijos

marcelo dalla disse...

Imagina, querida! é um prazer! Eu é que agradeço seus elogios. Bjo boa semana pra vc tb

Astrid Annabelle disse...

Marcelo!
Adorei...lindo mesmo.
Minha criança interna agradece e bate palmas!!!
Parabéns.
Namasté
Astrid Annabelle

Maria Izabel Viégas disse...

Marcello feiticeiro querido,

meu sol pisciano, mesmo sendo de 29°( a pisciana da última hora)- e talvez justamente por isso, ah... que delícia de conto.
Normalmente eu sou apressada, tenho um grave defeito, leio livros de trás para frente. :)))
Mas, fiquei presa a todas as palavras ditas... LINDO, bela história!!!
E amigo, obrigada por sua visita.
E que bom que vim, me fez feliz!!

E mais: seu Blog está lindíssimo!
O que um Marcelo Dalla não faz lindo? Hein?
Beijos no seu coração!
Parabéns pelo newlook do Blog - bom gosto: nota 1000!

Fada Moranga disse...

Bonita historia!

Bonita lição!

Bonitas ilustrações!

A minha preferida é a
da 2ªparte :-)

E eu a pensar que a fadinha iria comprar creme com baba de caracol... :-))))

Beijos***deFada

Fatima disse...

Lindo, lindo, lindo!
Amei mesmo. Agora tenho que imprimir para sinhazinha ler, porque ela não gosta de ler no computador e tb porque quer colar no seu caderno de histórias prediletas.
Tá com tudo aqui em casa Marcelo!
Bjs.

Adelaide Figueiredo disse...

Marcelo,

Este conto está uma maravilha!

Abraço

Zeca Maurício disse...

Lindo o conto! Grato por existir!

Livinha disse...

Conclusão, puxo agora meu freio de mão e relaxo...
Putz que corrida, cheia de maravilha que você proporcionou...
parabéns Marcelo! Eis que o texto termina no 3º ítem com a "Conscientização e aceitação do si mesmo".
Postagem chamativa na tua forma excentrica de incentivar a leitura..
É uma história em três capítulos, como distribuido em três livros.
Se tá a venda, eu compro!
A-do-rei!!!!
e parabéns mais uma vez!!

Bjsss
Livinh@__

Castelo de Asgard disse...

Linda história, adorei :)! (E o novo look também está um mimo ;)!)

Bjs, bom domingo ***

Ariadne

Mentuhenhat disse...

Namasté, Marcelo!...

Obrigado pela sua presença naquele espaço que é sempre seu...
Está lá uma prova de Amor e Luz para si...

O meu Abraço de Luz!...

Maria José Speglich disse...

Adorei seu espaço.
És bastante imaginativo e criativo.

Beijo!

adriana disse...

Que coisa, não?
Está tão próximo e a gente não vê!
Obrigada pela partilha!
bjs

marcelo dalla disse...

Eba! A Fadinha Violeta fez sucesso! Quem sabe me vem inpiração pra mais historias infantis e outras com a Fadinha? Vcs me animaram!!!

Cris disse...

Marcelo,

quando a gente lê a parte I e II, fica com aquele gosto de conta mais vai...rs
Imprimi e li junto com a Julia minha filha...ela simplesmente amou a Fadinha Violeta...

muito linda a historia com certeza!

vou aguardar as proximas historinhas...

beijão

marcelo dalla disse...

Olá Cris!!! Tava sumida, que bom q voltou! Pois é, meus sobrihos tb gostaram da história. Vamos ver se sai mais de onde saiu esta. rsrsrsrs bjos

Kyria disse...

Adorei a história. Êta fadinha esperta, foi atrás do objetivo, entendeu sua história e a transformou.
Viva nossa força interior, bjs.

Sun disse...

Absolutamente adorável!! Parabéns !

marcelo dalla disse...

Opa! abrigado a todos! Sun, volte sempre!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...