domingo, 15 de outubro de 2017

O SIMBOLISMO DO CAVALO, DO UNICÓRNIO E DO CAVALO ALADO


O Cavalo simboliza liberdade, força e impetuosidade. Nada encarna melhor o espírito de liberdade do que os Cavalos selvagens. 


Nas culturas antigas, o cavalo também simboliza poder pessoal, poder interior. O verdadeiro poder é a sabedoria conquistada durante nossa jornada, pelos caminhos percorridos. 


O Cavalo é detentor do poder tanto na esfera do mundo físico, quanto na da dimensão espiritual. Os índios americanos diziam que roubar cavalos é roubar poder.


É a medicina das Jornadas Xamânicas e do dom da clarividência. Para os xamãs, são considerados veículos seguros para viajar tanto no mundo físico quanto no espiritual. Em praticas xamânicas ao redor do mundo, o Cavalo sempre forneceu o poder para que os xamãs voassem para os mundos sutis. Portanto, está ligado à projeção astral e nos ensina a compartilhar nosso conhecimento no caminho da beleza.


Para os hindus, esse animal está relacionado ao planeta Marte. Nos Vedas (escrituras sagradas) exterioriza o arquétipo de Agni (Deus do Fogo), sendo o fogo um dos elementos mais poderosos da natureza. Agni reje os rituais, as celebrações e as cerimônias sagradas. 


Quando o Cavalo foi domado, a humanidade alavancou sua evolução de uma forma que somente se iguala ao momento em que dominou o fogo. Antes de usarem os Cavalos, os homens tinham que cruzar longas distancias com pesadas cargas. As viagens eram lentas e sacrificantes. Quando montaram no dorso do Cavalo, tornaram-se mais leves e velozes.


A humanidade tem uma dívida com o Cavalo, por tudo que ele possibilitou através de seus serviços junto ao homem. Até os dias de hoje a potência dos veículos automotores é avaliada em “cavalos de força”.


Ele ensina ainda que devemos guardar as lições aprendidas quando cavalgamos com ele, seja no amor, na dor, na alegria e até mesmo na raiva, pois tudo permite um aprendizado.


O cavalo pode ser evocado para cultivarmos liberdade de espírito, para aumentarmos nosso poder interior. Ajuda-nos a tornarmo-nos independentes, sem abusar do poder.



CAVALO ALADO: Simboliza o desejo de elevação, transmutação, beleza, viagem astral, novas aventuras, mistério, fascínio. Pégasus, Com um de seus coices, fez nascer a fonte de Hipocrene, que se acreditava ser a fonte de inspiração dos poetas. Leia sobre o mito de Pegasus aqui.


UNICÓRNIO: Este animal mitológico representa a pureza da alma. Ele está ligado a todos os dons das artes, à mediunidade, à elevação. É a integração divina com o grande espírito do céu e da terra. Seu chifre no meio de sua fronte simboliza a flecha espiritual, o raio solar, a espada de Deus e a revelação divina. 


Os alquimistas viam no unicórnio a imagem do hermafrodita (homem e mulher). Um ser que transcende a própria sexualidade. Na China, o nome do unicórnio é Ki lin, símbolo da mansidão e da boa sorte. Esta designação representa o masculino-feminino, o yin e yang. Leia mais sobre os Unicórnios aqui.


O Unicórnio ou o cavalo alado aparecem em quase todas as culturas, simbolizando as qualidades que o ser humano ainda conquistar: iluminação, sublimação, paz de espírito e imaginação criadora.

As belas ilustrações foram selecionadas do DEVIANTART e estão com os devidos créditos.

2 comentários:

Deborah C. Lima disse...

Lindo texto...!
Nasci do ano chinês do cavalo de fogo...
Amo muito esse animal e seu simbolismo..

Rosana Mello disse...

Bom dia! Muito agradecida por postar sobre o cavalo. Um animal de muito poder e força. Liberdade é o meu tema! amo esta palavra! grata!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...