domingo, 17 de abril de 2011

HISTÓRIAS DE AMOR


No lago onde Narciso se admirava, havia uma ninfa que a cada dia se tornava mais e mais apaixonada por ele. Essa paixão não demorou pra se transformar em verdadeira obsessão. Fez uso de todas as suas artimanhas para seduzi-lo: sussurrava palavras doces ao pé de seu ouvido, passava maravilhosa e perfumada em sua frente, roçava suas vestes de seda na nuca do belo jovem. Nada de atrair sua atenção. Narciso não tinha olhos para nada além de sua própria imagem.

Com o orgulho ferido, a ninfa finalmente perdeu a paciência. Na verdade, foi ela quem o afogou no lago e depois transformou seu corpo numa bela flor.

15 comentários:

Susana Vitorino disse...

Apensa um sorriso :)

Beijo prócê!

MARCELO DALLA disse...

Suzana!!!!!
Outro sorriso e outro beijo procê!!!
:))))

Daniela Scheifler disse...

Hahahahahaha Muito bom! O cara ficou ainda mais Narciso na tua história. :-)

beijos

Astrid Annabelle disse...

Muito boa!!!
É o que a nossa sombra gostaria de fazer com os metidos a &%#&...hehehehe
Beijão para um bom final de domingo!

Ah! venha responder uma pergunta lá em casa com a sua visão de astrólogo!!!

Astrid Annabelle

William Garibaldi disse...

Isso tá com uma cara de recadinho...

Ups!

Sabe, Marcelo, acho que esta ninfa deveria ter sido mais direta, tipo, chegado junto... ou sido mais inteligente... o negócio de Narciso era OUTRO né amigo... ele era uma Ninfa também! Rssss! E essa Ninfa tava muito viajandona! Tinha NADA que afogar a Narcisa tadinha! Toda sarada, toda trabalhada no egocentrismo! KKKKK

Desculpa mas nÃo resisti!!!

Mas pior que faz sentido.

Bom domingo!

Silvia Astróloga disse...

Huáhuáhuá! adorei o comentário do Willian, muito bom!
Marcelo, acho q este texto pode ser dirigido as pessoas que não percebem quanto amor tem em volta delas e ficam se queixando... reclamando da vida.
beijos e luz

MARCELO DALLA disse...

Daniela: Narciso bem narcisista. rsrsrsrsrsrs
bjos querida

MARCELO DALLA disse...

Astrid: vou correndo lá!!!!
bjos querida

MARCELO DALLA disse...

William: kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Narcisa toda trabalhada no egocentrismo foi demais!!! Pior que tem tudo a ver mesmo.
Genial!!!!
Ai, ri muito aqui, viu?
abraço querido

MARCELO DALLA disse...

Silvia: é isso mesmo!!! Mas pra perceber o que há em volta tem que parar de olhar pro próprio umbigo, né?
bjosssssss

Fatima disse...

Sou fã nº uma das suas historias de amor!
Bjs.

Andréa Destefani disse...

No espelho do rio gosta de se olhar....E se Oxum era a ninfa? E se ela se olha nos espelhos em busca do amado? Talvez a Oxum venha buscar em nós a parte egocêntrica que nos adoece, tentando refazer o amado...mas esta já é outra história. Boa semana!

MARCELO DALLA disse...

Fátima querida!!!!
E eu adoro quando vem me visitar.
Bjos e uma linda semana pra ti!!!

MARCELO DALLA disse...

Andrea: isso me parece um ótimo tema pra um dos seus maravilhosos artigos, deu vontade de ler mais... que tal?
bjosssssssss

Um Caminho de Luz disse...

Caro Marcelo,

observando a vida "como ela é", essa história de amor se parece muito com algumas histórias de amor do cotidiano. Se pensarmos há muitas histórias que com o nome de Amor, resultam em vítimas.
Gostei do texto.
Namastê!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...