terça-feira, 19 de janeiro de 2010

O PROPÓSITO DO DESASTRE (por Arcanjo Gabriel)

(Segue uma mensagem do Arcanjo Gabriel canalizada por Shelley Young que considero muito elucidativa. Importante leitura!)

Gostaríamos de lhes dizer que vocês estão começando a ver as muitas mudanças a que um grande número de canais tem feito alusão nos últimos meses. Nós entendemos que conforme vocês, na sua humanidade, olham para os eventos do mundo - particularmente no Haiti, pode parecer muito confuso.

Nós falamos sobre o mundo que está passando por este lindo processo de ascensão e então vocês são abalados por este sofrimento em massa, e torna-se difícil entender como tal evento se encaixa. Nós desejamos lhes dizer que tudo está divinamente perfeito. Será de difícil aceitação para alguns ver o desenrolar dos eventos do mundo. Daremos nosso melhor para lhes explicar de modo a encaixar tudo na ordem divina.

Entendam que, quando há terremotos, ou quaisquer desastres naturais, a terra está simplesmente se ajustando. Ela está liberando o que ela não pode mais manter e assim poder evoluir. Isto deveria lhes dar uma indicação do nível de densidade com que nossa querida Gaia tem se debatido há tanto tempo. É bom que essa energia tenha uma oportunidade de ser liberada porque deixa o fardo mais leve, se vocês quiserem, e permite que nossa linda terra avance com energias mais suaves que se encaixam com a posição para a qual ela deve se dirigir.

Sempre nos entristece ver aqueles que estão em expressão humana sentirem angústia, desespero e dor. Entretanto, as almas que estão passando por esta experiência elegeram voluntariamente passar por isso. Lembrem-se sempre disto. Aqueles que deixaram o planeta, assim o fizeram por sua escolha. Eles entenderam o potencial disto quando planejaram sua expressão humana e amorosamente concordaram em participar disto. Essas almas não pretendiam passar pelas energias mais altas de ascensão na terra. Isto era uma coisa que elas não desejam experienciar, por alguma razão, nesta época. O que elas queriam experienciar era deixar o planeta sob estas circunstâncias espetaculares a fim de ajudar o planeta.

Vejam, quando há um grande desastre, uma grande perda de vidas, sempre, como resultado disto, ocorre uma expansão pelo mundo do amor e da compaixão. Isto, por sua vez, cria uma energia ainda mais elevada para a sua amada terra captar e usar para passar também para um nível superior de expressão.

Sempre que há grande perda de vidas, quando as coisas parecem tão desoladoras e terríveis, há um deslocamento daqueles que estão observando para uma posição em que começam a se fazer perguntas mais sérias. Por que eu ainda estou aqui? O que é a morte? Para onde vão as pessoas quando morrem? O que significa tudo isso? Estas são todas perguntas fundamentais que uma alma que está passando pela experiência humana faz a fim de explorar a espiritualidade e começar a se iluminar.

Quando há um evento de tal magnitude como o terremoto no Haiti, as pessoas passam a experienciar o mundo operando como Um. Muitas nações se unem sob as maravilhosas energias do desejo de ajudar seu semelhante. E a ênfase maior passa a ser quanto às nossas similaridades ao invés de nossas diferenças. Isto apoia a unificação da consciência. Isto também permite que homens e mulheres comuns progridam para uma expressão superior de si mesmas em atos de heroísmo. Elas realmente percebem que estamos todos juntos nisto.

Como um efeito posterior, muitas almas ficam se perguntando: Por que eu ainda estou aqui? Vocês irão ouvir com muita frequência: "Eu sobrevivi. Deus deve ter um plano maior para mim!" As pessoas tendem a se separarem e a se a reunirem num modo totalmente novo após tais eventos. Isto também lembra àqueles sob a condição humana de como a vida é fugaz. Que período curto de expressão a vida realmente é. Isto destaca a preciosidade do Agora. Essa lembrança normalmente faz as pessoas lembrarem das muitas bênçãos em suas vidas que elas já podem ter esquecido. Isto também encoraja as pessoas a olharem para o que não está funcionando em suas vidas e a fazerem as mudanças para uma melhor adequação ao que elas gostariam de experienciar.

Se vocês puderem enxergar desta perspectiva superior todos os potenciais maravilhosos para o crescimento e conscientização provindos de eventos assim, será muito difícil enxergar isso como um ato de um Deus vingativo. Nós os encorajamos a assumir essa perspectiva superior para enxergar a grandiosidade das almas que partiram, das almas que permaneceram e daquelas que se reuniram no amor, compaixão, serviço e unidade como uma expressão maravilhosa da capacidade da humanidade.

Há realmente um propósito superior para tudo isto.

Arcanjo Gabriel através de Shelley Young
Transcrito por Terri DeMarco
Tradução: SINTESE

7 comentários:

HSLO disse...

Muito triste o que ocorreu no Haiti...adorei a postagem.


abraços


Hugo

Paula disse...

É muito lindo, Marcelo! Realmente nós deveríamos estar prontos para ver as coisas dessa forma, e devemos nos esforçar realmente para entendermos que Deus tem lá as suas razões, e que a nós cumpre os deveres da caridade, da solidariedade, da compaixão!
Que todos nós possamos sair mais fortalecidos deste evento, mais sintonizados com os planos superiores!!
Uma semana iluminada!!

Livinha disse...

Olá Celito!!
É moço, como diz a propria espiritualidade, o tempo urge e a hora é agora, como a frase bem dita e tão conhecida por todos: "A união faz a força" O mundo sempre tornou-se voltado para o si mesmo proprio de todos nós seres imperfeitos e individualista que somos e somente agora atentamos para o despertar e de que forma? para um bem unico de todos nós, a nossa casa astral, este universo infinito, periférico rotativo, que nos faz cair na consciência de ajudar ao próximo, estaremos ajudando a nós mesmos. Deus é o supremo criador e deu a nos todo esse esplendor nos confiando a guarda, o cuidado do nosso habitat dando-nos a inteligencia no poder de discernir e compreender que somos os responsáveis por aquilo que cativamos. Estamos colhendo e ao mesmo tempo na obrigação de reparar nossos feitos. Por conseguinte, só haveria um jeito, de haver um trabalho coletivo e ao mesmo tempo solidário, o de reconstruir um patrimônio de todos. Não é lindo Marcelo, observa tudo isto, veja quantas pontas de fita estão aí se atando para a formação de um unico laço na busca de um mesmo fim que é o amor.
Nossa meu amigo, até me arrepia, por ver além de tanto sofrimento, tanta beleza, como resultado de tudo isto.
Obrigada mais uma vez por tão brilhante mensagem. A segunda que recebo hoje voltada para a mesma questão. Te enviarei um pps por e-mail...


Beijos
Livinha

António Rosa disse...

Salvé, Gabriel, meu Arcanjo,

Gostei da Tua explicação sobre os fenómenos colectivos, através da Shelley Young.

Agradeço ao nosso Irmão Cósmico Marcelo ter sido porta voz da Tua mensagem, de modo a encaixar na ordem divina.

É uma explicação muito tranquilizadora e que vai alentar as pessoas que lerem. E isso é o que importa. Que nós não nos desviemos no nosso centro cardíaco.

Leveza, luz e aceitação.

É admirável que tantas almas, ao desencarnarem de forma colectiva, tenham ajudado o planeta Terra, no seu processo evolutivo. A minha gratidão e muito Amor para todos.

É muito positivo para a humanidade que Gaia se liberte da densidade com que a fomos carregando ao longo das eras. 'O fardo fica mais leve', é uma expressão Tua que me encanta.

Fica aqui a minha manifestação daquilo que posso deixar.

Gostaria de Te reafirmar aquilo que sabes bem: que parte da humanidade já não está no nível em que estávamos nos anos 70 e 80. Um dia, a humanidade irá manifestar a síntese que define a Era de Aquário - entendimento. Merecemos isso.

Amor ao Pai.

Salvé! Saudações.

marcelo dalla disse...

Uau, que comentários magníficos.
Hugo, Paula, Livinha, Antonio... vc me inspiraram!!!

Antonio deixou uma verdadeira oração ao Arcanjo Gabirel aqui. Assino embaixo de tudo o que disseram.

Lindo!
bjos e abraços

Hod disse...

Olá Marcelo,

Nenhum lugar no planeta do ponto de vista da Natureza é seguro. O planeta vive e impõe-se. A escola ensina apenas dois movimentos. Na realidade são 6 ou mais.

Excelente texto.

Forte abraço amigo,

Hod.

Lady Di disse...

ADOREI ..MARCELO, GOSTEI MUITO. Parece que vc escrveu pra mim, me tocou muito esta estória do Haiti, sei lá, fiz todas estas perguntas...voce é iluminado,Marcelo.Obrigado por esta luz .Visite meu blog cachoeiradalua.blogspot.com
Bjo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...